Quem acompanhou as eleições em Nossa Senhora da Glória pôde observar um pouco da força que restou da liderança política do ex-vereador Roberinho.

Ao tentar ensaiar uma terceira via, Robevaldo Alves Cruz recuou após decidir apoiar a irmã do deputado Jairo Santana e colocar a sua sobrinha, Arielle Matos Cruz, como candidata ao cargo de vereador.

Roberinho conseguiu obter êxito ao eleger a sobrinha e irá ditar as decisões da parlamentar na Câmara de Vereadores de Glória. Um dos desafios de ser a sombra do Tio é tentar manter a ideologia política do PSC e de seu atual agrupamento político.

Já rola nos bastidores que o ex-vereador está apenas esperando a “poeira baixar” – uma referência sobre as consequências da última eleição por ser adversário – para se aliar em 2018 a Chico do Correio e Serginho.

Com isso, Robério poderia receber uma secretaria e até mesmo uma troca de sucessão na cadeira do parlamento caso outra especulação – esse é um assunto que será tratado mais adiante – venha ser anunciada, também, no agrupamento de Sérgio Oliveira.

Assim, Arielle foi eleita para ser oposição na câmara, mas foi empossada com outro objetivo e inicia o ano com pensamentos contrários a sua caminhada eleitoral em 2016.

Uma saída para vereadora seria renunciar a autonomia do Tio e ter sua liberdade para decidir. Mas o fato é que sozinha, Arielle poderá não chegar a lugar algum.

Welder Ban | Panorama Político
Uma análise da política sergipana como ela deve ser: sem censura.

Deixe seu comentário abaixo

Não Deixe de Conferir Essas DICAS Abaixo!!