setembro24 , 2021

    Governo da Bahia investe R$ 305 milhões visando retomada das aulas

    Veja também

    COMPARTILHE

    - Advertisement -

    Porto Seguro 29/7/2021 – A iniciativa do retorno às aulas, ainda de maneira híbrida e seguindo todos os protocolos de segurança, só é possível porque os indicadores estão favoráveis

    O governo realizou as manutenções e adequações que possibilitarão o recebimento dos alunos com toda a garantia exigida neste momento.

    Para o retorno às aulas nas escolas de todo o estado da Bahia, ainda de maneira híbrida pela necessidade do distanciamento social por conta da pandemia de Covid-19, o Governo da Bahia investiu R$ 305 milhões nas reformas e requalificação das estruturas escolares.

    Para que os alunos retornem às aulas com mais segurança, seguindo os protocolos sanitários adotados em todo o estado, foram realizadas manutenções e adequações que possibilitarão o recebimento dos alunos com toda a garantia exigida neste momento.

    - Advertisement -

    O estado da Bahia está preparado para realizar de maneira organizada o retorno, pois as escolas foram adequadas para receber, além dos alunos, todos os servidores envolvidos na área educacional. As salas foram preparadas com ventiladores, com uma melhor aeração e também haverá o cuidado com a distribuição e obrigatoriedade do uso de máscaras, além da aferição da temperatura antes do ingresso nas escolas.

    A iniciativa do retorno às aulas, ainda de maneira híbrida e seguindo todos os protocolos de segurança, só é possível porque os indicadores estão favoráveis para esse modelo, além do avanço da vacinação nas mais diversas faixas etárias.

    Dentre as ações de prevenção e controle, foram instaladas pias e lavabos para a higienização das mãos e o Governo também adquiriu termômetros, máscaras, álcool em gel e tapetes sanitizantes.

    No valor investido de R$ 305 milhões, além de aparelhar as escolas, o Governo do estado também adquiriu equipamentos digitais; infraestrutura tecnológica e conectividade; e na formação de professores. Há também uma previsão de mais R$ 62 milhões para manutenção e pequenas reformas, ainda neste ano, para o aprimoramento da rede física das escolas.

    Na reforma e construção de novas escolas e complexos poliesportivos educacionais, que estão sendo realizadas independentemente da pandemia, estão sendo investidos cerca de R$ 1 bilhão pelo Governo do estado.

    Um exemplo dos investimentos realizados é a Escola Estadual Manoel Devoto, localizada no bairro do Rio Vermelho, da cidade de Salvador, que atende 1800 alunos da região. A reforma contemplou os banheiros; a cantina; as salas de aula, a biblioteca e até mesmo a área externa de recreação.

    Modelo de ensino híbrido

    No modelo adotado atualmente, a escola receberá 50% dos alunos em sala, e a outra metade terá aulas de maneira remota, sendo que cada escola tem autonomia para reforçar as medidas de segurança que melhor lhe convier. As medidas adotadas deverão ser divulgadas aos alunos, pais e responsáveis pelos diretores e coordenadores. A divisão dos grupos deve ser feita por ordem alfabética. Por conta das mudanças necessárias, a semana escolar passará a ter mais um dia; parte do grupo estudará segunda, quarta e sexta, e a outra metade dos alunos na terça, quinta e sábado. “Minha filha teve dificuldade com o modelo, mas com o retorno as aulas ficará mais fácil”, comenta Rose Norinha, dona de casa.

    Floriano Dutra, que é professor, afirma que estava sentindo falta da sala de aula. “Realmente não vejo a hora de voltar”, conclui. 

    Para seguir os protocolos adotados no estado da Bahia, os alunos deverão passar por aferição de temperatura na entrada da escola, ficarem, no mínimo, a 1,50 metro de distância, além de utilizar os equipamentos de segurança oferecidos pelo Governo. A rede estadual conta com 25.716 escolas nos 417 municípios baianos.

     

    Website: http://operacaoportoseguro.com.br/