fbpx
Portal Sou de Sergipe
O portal do Sergipano

AVANTE TOURO: Empate, reclamações e muito chorôrô do Confiança

Tourenses do Sertão, contra a forte e chorona equipe do Confiança, o Touro do Sertão fez sem duvida nenhuma sua melhor partida na competição.

Em um inicio de jogo bem truncado e com muitas faltas, a equipe de Glória tentava sempre pelo lado esquerdo com Jean, que em muitos momentos apanhou daquele lado.

Aos 35 minutos do segundo tempo, o zagueiro Alisson, após bola desviada por Talles, aproveitou a oportunidade e voleio marcou o primeiro e único gol do Atlético Gloriense. Depois disso só deu Atlético, que no final da primeira etapa acertou a trave com uma cabeçada do Zagueiro Jefinho.

Recuada no segundo tempo e com poucas opções no banco, a equipe Tourense se viu acuada e viu o queridinho da imprensa e da federação pressionar, até que em uma falta inexistente Luciano Juba levantou no meio da área e Luan Bueno cabeceou de costas empatando a partida.

A CHANCE DO JOGO

Aos 47 do segundo tempo, após uma bola quebrada pelo goleiro Clésio, o atacante Lucas acabou desperdiçando a melhor chance da equipe na etapa final.

CONFIANÇA CHORÃO

Se o árbitro Jackson Ribeiro Sobrinho apitasse todos os pênaltis pedidos pela equipe azulina, teríamos no mínimo uns 10 x 1. O Confiança chorou do início ao fim, com aquela famosa síndrome de time que se acha grande demais.

Deve agradecer duas vezes, pois diante da equipe Gloriense se não fosse a interferência direta da arbitragem, não teria feito um ponto sequer.

RAFAEL VILA, A VERGONHA

Assim que acabou a partida, o meia GLORIENSE que atua no Confiança, repito GLORIENSE, comemorou o empate e começou a provocar parte das pessoas que estavam no local da partida: “Respeitem o maior do estado, respeitem o maior do estado”.

Rafael, você é de Glória, quer você queira ou não. Lembre-se que você só está onde está porque um dia uma escolinha de GLÓRIA chamada Juventude te projetou.

Um homem que nega suas raízes, não envergonha apenas seu povo, mas a si mesmo.

NOTAS

1 – Clezio, (sem culpa no gol, a vezes se precipita em algumas bolas, 5,0)

2 – Talles (Hoje não se destacou como na última partida, 5,0)

3 – Alisson (Belo gol, jogou com raça, 8,0)

4 – Jefinho (Ajudou muito na marcação, acertou a trave ainda no primeiro tempo, 6,0)

5 – Elisson (O coração da equipe, sem ele o time é outro, 5,0)

6 – Maxsuel  (Seguro na lateral esquerda, 5,0)

7 – Rayamersson (Tímido na partida, mas não comprometeu, 5,0)

8 – Ramalho (Melhor em campo, melhor partida dele desde que chegou, engoliu o Confiança, 10,0)

9 – Muribeca (Foi bem, apanhou muito, mas as vezes valorizava demais, cansou no segundo tempo, 5,0)

10 – Matheus (Focado, quando tem espaço consegue criar jogadas, o time melhorou desde sua chegada, 6,5)

11 – Jean (Em sua posição de origem é diferenciado, gostei dele no jogo de sábado, 6,0)

Técnico: Carlos Alberto Dias (Usou o que tinha de melhor, deu para perceber que o time usou variação tática em muitos momentos da partida, porém sofre com a falta de opção no banco, 6,0)

COMENTE!

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Consulte Mais informação