fbpx
Portal Sou de Sergipe
O portal do Sergipano

Belivaldo define calendário de retorno das aulas presenciais

Medida foi tomada em conjunto com as instituições e órgãos vinculados à Educação, visando a proximidade das provas do Enem, e vale apenas para as terceiras séries do Ensino Médio, Ensino Superior e cursos profissionalizantes e de pré-vestibulares

Em reunião realizada na tarde desta quinta-feira (15), o Comitê Técnico-Científico e de Atividades Especiais (CTCAE) decidiu pelo retorno presencial das aulas presenciais de instituições de ensino. Fica autorizado o retorno para as instituições privadas a partir do dia 03 de novembro e, para a rede pública, a partir do dia 17 de novembro.

Neste momento, estão autorizadas as aulas presenciais das turmas das terceiras séries do Ensino Médio Regular; concluintes da Educação Profissional Tecnológica (EPT), integrada ao Ensino Médio; Educação de Jovens e Adultos (EJA) do Ensino Médio; cursos livres de pré-vestibulares; aulas e atividades práticas de cursos do ensino superior e aulas e atividades práticas de cursos de EPT.

Retomada gradual
Já a retomada presencial das atividades administrativas, operacionais e de apoio ao trabalho docente poderá acontecer a partir da próxima segunda-feira (19), nas instituições públicas e privadas, como também no ensino superior.

No entanto, a volta às aulas está condicionada ao cumprimento de uma série de medidas. As turmas deverão ser compostas somente por 50% da capacidade original, por exemplo, dentre outras regras.

Além disso, as instituições só poderão retomar as atividades se adotarem o protocolo sanitário que será publicado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES).

Decisão conjunta
A decisão desta retomada gradual das atividades escolares se deu após estudos, avaliações e acompanhamento do cenário de outros estados brasileiros. Também foi levada em consideração a proximidade das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), marcadas para os dias 17 e 24 de janeiro, e a possibilidade destes estudantes ingressarem em universidades.

O governador Belivaldo Chagas, que esteve à frente da reunião, explica que a decisão foi tomada em conjunto com as instituições e órgãos vinculados à Educação que fazem parte do Comitê.

“Nos reunimos hoje para apresentarmos propostas, onde o Comitê decidiu pelo retorno das aulas das redes pública e privada, conforme calendário divulgado. Inicialmente, teremos a volta às aulas gradual de estudantes dos terceiros anos, ensino superior e profissionalizante. Mas, e o restante? Daqui a 15 dias iremos nos reunir novamente para uma decisão final sobre isso, se teremos aulas para este público ainda este ano ou se somente em 2021. O Governo irá homologar a decisão e também publicar o protocolo da SES que irá cuidar de toda a parte sanitária, indicar as medidas que deverão ser adotadas para que haja um retorno seguro”, explicou o governador.

Participaram da reunião e do debate acerca do assunto, representantes da Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc); da Secretaria de Estado da Saúde (SES); Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica de Sergipe (Sintese); Federação dos Estabelecimentos de Ensino do Estado de Sergipe (Fenen); Sindicato dos Trabalhadores dos Serviços Públicos do Estado de Sergipe (Sintrase); Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino do Estado de Sergipe (Sinepe); Associação de Pais de Alunos do Estado de Sergipe (Apase); da Universidade Federal de Sergipe (UFS) e Universidade Tiradentes (Unit).

Faxaju

COMENTE!

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Consulte Mais informação

Política de Privacidade e Cookies