Luiz Melodia morreu de câncer aos 66 anos na madrugada desta sexta-feira (4), no hospital Quinta D’Or, na Zona Norte do Rio de Janeiro.

O cantor e compositor enfrentava um tumor na medula óssea e chegou a ser submetido a um transplante e sessões de quimioterapia, porém já não respondia ao tratamento. Essa é mais uma perda na música brasileira. No final de abril, Belchior foi encontrado morto em sua casa aos 70 anos.

Recorde um pouco da carreira do cantor

Luiz Carlos dos Santos nasceu em 7 de janeiro de 1951 no Rio de Janeiro, no Morro de São Carlos e era filho de Oswaldo Melodia, sambista do bairro do Estácio. Antes de seguir na carreira solo, o cantor formou ao lado de amigos o grupo Os Instantâneos e participou de programas de calouros na TV e no rádio.

No início dos anos 70 sua composição “Pérola Negra” foi gravada por Gal Costa. Em 1973, lançou o primeiro disco que levava o nome daquela música. Dois anos mais tarde disputou o “Festival Abertura” na Globo. Já na década de 1980 lançou o LP “Pintando o Sete” que trazia a canção “Codinome Beija-Flor”, um dos seus maiores sucessos.

Nos anos 2000 fez parcerias com Zeca Pagodinho e Luciana Mello, filha de Jair Rodrigues, morto em maio de 2014.

Luiz Melodia ganhou em 2007 um documentário produzido por Karla Sabah. O cantor chegou a trabalhar como ator na novela “Bang Bang”.

Izaque Vieira /Redação Portal Sou de Sergipe

Deixe seu comentário abaixo

Comentários