Portal Sou de Sergipe
O portal do Sergipano

Corpos de homens mortos em troca de tiros com a polícia são identificados

Dos seis mortos durante operação policial no município de Lagarto (SE), cinco já foram identificados e quatro liberados pelo Instituto Médico Legal. De acordo com a polícia há informações extra-oficiais de que todos tenham naturalidade baiana e passagem pela polícia.

De acordo com a polícia, os seis homens faziam parte de uma quadrilha, que planejava realizar assaltos à agências bancárias no município de Simão Dias (SE), na região Centro Sul de Sergipe. A ação seria realizada na terça-feira, 2, mas por algum motivo o grupo desistiu e resolveu se abrigar em um sítio no Povoado Açu Velho, em Lagarto (SE).

Equipes do Complexo de Operações Policias da Polícia Civil de Sergipe (Cope) em posse de informações passadas pela Polícia Militar da Bahia, chegaram ao paradeiro dos criminosos na tarde da quarta-feira, 3. O diretor do Cope, delegado Denival Eloi, informou que os policias foram recebidos a tiros. A operação terminou com seis mortos e três presos.

De acordo com o delegado, toda a ação era coordenada de dentro de um presídio no município de Paulo afonso no interior da Bahia pelo detento Fagner do Santos Aquino conhecido como Bob Nelson, ele é natural de Lagarto (SE) e já foi preso em 2016 por assaltos a casas lotéricas. No ano passado voltou ao sistema prisional por roubo.

Na ação três pessoas foram presas, todas são familiares de “Bob Nelson” Patricia Conceição Cruz, esposa dele, Jackson Gonçalves, cunhando do detento, e Fabiana Santos Aquino, irmã de Bob.

Fonte: Fan F1

COMENTE!