fbpx
Portal Sou de Sergipe
O portal do Sergipano

Criança diagnosticada com Calazar espera por vaga na UTI do Huse

A produtora rural do município de Neópolis, Rayane França, chegou com o filho de três anos há 16 dias no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse). O menino foi diagnosticado com Calazar. Ele foi picado pelo mosquito que transmite a doença do cão para o ser humano. Há uma semana a situação se agravou e não há vagas na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) pediátrica.

A criança está na sala de estabilização em estado grave, respirando com auxílio de aparelho. “Ele está inchado, com os braços roxos por causa do medicamento. Um olho sobe bem pouco e o outro está fechado”, disse Rayane.

A produtora rural do município de Neópolis, Rayane França, chegou com o filho de três anos há 16 dias no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse). Imagens da TV Sergipe.

Em Aracaju, desde o dia 17, a produtora rural tem recebido apoio de outras mães que estão com familiares no Huse. Rayane busca força pra que a esperança na recuperação do filho não diminua com a demora pra surgir uma vaga na uti.

“Peço que quem puder, me ajude. Esse é o apelo de uma mãe que está com medo de perder o filho”, completou.

De acordo com a diretoria do Huse, a sala de estabilização onde a criança está é um tipo de uti temporária, com estrutura de unidade intensiva. Ainda segundo a direção, é aguardada alta de duas crianças para assim o garoto ser encaminhado para uti e, enquanto isso, ele vai para área vermelha. De acordo com a direção, apesar do estado dele ser grave a situação é estável.

Fonte: G1 SE.

COMENTE!

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Consulte Mais informação