Portal Sou de Sergipe
O portal do Sergipano

Crime que vitimou menino de 9 anos pode ter ligação com o tráfico e torcida organizada

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) já iniciou as investigações sobre um duplo homicídio que aconteceu durante a noite desta quarta-feira, 28 de agosto, na praça do bairro Getimana, em Aracaju, Sergipe.

Na ação criminosa, um homem identificado como Alef Gomes dos Santos, 20 anos, e uma criança identificada como Albert Ricardo Silva Vasconcelos de Oliveira, de 09 anos, acabaram morrendo. Um terceiro homem ficou ferido e foi socorrido para uma unidade hospitalar.

A equipe do DHPP presente no local do crime iniciou os primeiros levantamentos, assim como verificar a presença de câmeras de segurança que possam ter registrado a ação criminosa.




Nos primeiros procedimentos, obteve-se a informação de que o crime pode ter relação com torcida organizada e tráfico de drogas. A criança teria sido vítima de bala perdida, uma vez que estava brincando inocentemente próximo ao local onde os tiros foram deflagrados.

Em entrevista concedida à imprensa sergipana, Gilvânia Santos, mãe do pequeno Albert Ricardo, declarou que quer Justiça e que seu filho era um anjo, que agora brilhará no céu. “Meu filho não tinha nada a ver. Ele saiu de casa dizendo que ia brincar com bolas de gude. Demorou cerca de 15 minutos e eu fui pega-lo, mas antes de chegar na praça, fui avisada que meu filho tinha sido baleado. Eu quero justiça. Ele era um inocente”, declarou ainda bastante abalada.

O corpo do garoto, que teve seus órgãos doados, foi levado para o município de Penedo, de onde a família é natural. O local do velório e sepultamento ainda não foi revelado. As investigações seguem para localizar o autor do crime e esclarecer sua motivação.

Fonte: Aqui Acontece

COMENTE!