fbpx
Portal Sou de Sergipe
O portal do Sergipano

Delegacia faz alerta de golpe envolvendo suposta palestra sobre Covid-19

A Delegacia de Repressão a Crimes Cibernéticos (DRCC) faz um alerta sobre um novo golpe utilizando o WhatsApp. Dessa vez, aproveitando-se ainda da pandemia do Covid-19, um golpista, utilizando-se de um número de Brasília, entra em contato com prefeituras, diz que está atuando com o apoio do Ministério Público e solicita apoio da Secretaria Municipal de Saúde para realizar uma palestra sobre o Coronavírus. Com isso, ele pede número da secretaria, de taxista e de pousada. Em Sergipe, já há registro dessa tentativa de golpe, que envolve tentativa de obter dinheiro, em Campo do Brito.

Uma promotora do município relatou que a secretária de saúde municipal contou que o suspeito do golpe alegou que entrou em contato com a Prefeitura. Alegando que seria para uma palestra sobre o vírus, e que precisaria do apoio da Secretaria Municipal, ele conseguiu os telefones da secretária, de um taxista e de uma pousada.




Ele então entrou em contato por chamada de voz e mensagens pelo Whatsapp. A promotora do município relatou também que a secretária começou a fazer perguntas para ele, e o suspeito começou a se perder nas respostas.

O suspeito também entrou em contato com o taxista e falou que estaria indo à cidade para uma palestra e que precisaria do serviço de um taxista. O suspeito fala em um depósito antecipado de R$ 2,5 mil. O taxista questiona o porquê do depósito se ainda não prestou os serviços. O suspeito insiste, o taxista repassa a conta e recebe um comprovante de depósito.

No entanto,o suspeito entra em contato novamente e diz que precisará pagar outra pessoa antecipadamente, e pede que o taxista transfira R$ 1,2 mil. O taxista vai até uma agência bancária e descobre que não há depósito, ao perceber que ele não tinha esse dinheiro previamente. O depósito supostamente é falso e teria sido feito utilizando envelope bancário.

A secretária e o taxista prestaram boletim de ocorrência. A DRCC pede que casos similares sejam comunicados à Polícia Civil. Boletins de ocorrência podem ser prestados pela Delegacia Virtual. Caso o cidadão possua dúvidas sobre mensagens, ligações ou outras situações que possam parecer golpe, deve entrar em contato com o Depatri, pelo telefone: (79) 3194-3100

Fonte: SSP/SE

COMENTE!

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Consulte Mais informação

Política de Privacidade e Cookies
%d blogueiros gostam disto: