Na manhã dessa sexta-feira, (01), uma moradora do povoado Manuino no Município de Macambira, relatou que, a mesma paga em dia seus talões de energia onde neles constam uma taxa de iluminação pública, porem vive no escuro, vulnerável a ação de criminosos.

O presidente da Câmara de Vereadores de macambira se deslocou até a residência da Senhora, Maria filho de Sr. Lié, onde conversou com a moradora que revelou que o prefeito Luciano já tem ciência de todo o fato.

“É um absurdo, um braço de luz, o prefeito Municipal não ter competência para colocar, isso porque a Energisa repassa o valor da iluminação pública para a prefeitura, é uma obrigação do prefeito resolver esse problema. ” Disse o presidente Pedrinho.

Muitos municípios brasileiros têm insistido na cobrança da Taxa de Iluminação Pública – TIP, embora os tribunais nacionais, inclusive o Supremo Tribunal Federal e o Superior Tribunal de Justiça, tenham-na declarado inconstitucional em mais de uma oportunidade.

Deixe seu comentário abaixo

Comentários

COMPARTILHAR

Músico,Jornalista DRT 0002304/SE, Repórter do Programa Voz da Cidadania e apresentador do Programa Expressão Livre.