Brasil

GAU PASS lança versão em português para música do artista jamaicano Jubba White

“Você Me Faz Ir Além” é a faixa de estréia do primeiro disco da cantora e compositora paulistana Gau Pass, lançada no dia 7/12/21, e que é uma versão em Português de “You Got Me Going On”, do cantor, compositor, baterista e produtor musical jamaicano Jubba White.

A regravação faz parte de um projeto do artista jamaicano no qual cantoras do mundo inteiro gravaram suas próprias versões da música, em inglês. A única cantora que regravou no seu idioma de origem foi Gau Pass. “É uma honra e uma alegria imensas integrar esse projeto para o qual fui carinhosamente convidada, e, principalmente, poder gravar em Português. Me sinto muito abençoada”, relata a cantora.

Gau conheceu o trabalho de Jubba White em 2020, por meio de Kumar, outro artista jamaicano com o qual a artista mantém contato, e o convite para regravar “You Got Me Going On” partiu do próprio Jubba, inclusive o desejo de que a música fosse regravada em Português.

Convite aceito, e Gau chamou o cantor, compositor e multiinstrumentista paulistano Juninho V, seu parceiro em outras composições, para escrever a versão em Português. A gravação ficou a cargo da Unidade 76, banda de Brasília que está gravando o primeiro disco de Gau, e que também se encarrega da Produção Musical, liderada por Rafael Paz.

O resultado você confere em todas as plataformas de streaming, e dia 15/12 tem clipe chegando, com a participação de Jubba White, que também dividiu os vocais com Gau na gravação da música.

 

Após lançar um single ao lado de Mike Stern, um dos maiores guitarristas de jazz rock do mundo, e após gravar um single (ainda não lançado) com o cantor e compositor Quino, da banda de reggae californiana Big Mountain, Gau Pass também lançou em abril deste ano, o cover de Rock it Tonight, música do jamaicano Jesse Royal, que ganhou uma releitura na voz da artista.

O single, também disponível em todos os aplicativos de música, ganhou uma versão em videoclipe, com direção e produção de Gau, e que pode ser visto no canal oficial da cantora, no YouTube.

Fã do cantor e compositor Jesse Royal, Gau tinha o desejo de gravar uma música do artista desde 2019, quando escutou o disco “Lily Of Da Valey”. Desde então, passou a acompanhar a obra do artista até surgir a oportunidade de gravar o cover de Rock It Tonight.

Superando os desafios de gravar e lançar novos trabalhos numa fase cheia de restrições, Gau reinventou-se e foi buscar em suas principais influências a força necessária para seguir adiante em sua carreira, planejando e produzindo suas próximas músicas. “Gerenciar a própria carreira e pensar em cada passo a ser dado é o que tem me movido nesses últimos meses e me motivado a continuar seguindo em frente no meu propósito de gravar músicas que levem mensagens de amor, paz, harmonia, igualdade, gratidão e compaixão para as pessoas”, conta.

Vivendo um momento de grande proximidade com cantores e personalidades ligadas ao reggae, Gau tem bebido intensamente dessa fonte para buscar inspirações e montar o repertório de seu primeiro álbum de inéditas, que já está em fase de gravação e trará canções de compositores da Nigéria, Gâmbia, Jamaica, Marrocos e Brasil, cantadas em inglês, árabe e português”.

História musical

Irmã de um baterista e de um contrabaixista e filha de um cantor que administrava uma loja de discos, Gau tomou gosto pela música, sobretudo a mpb, o jazz e a música instrumental brasileira, por influência da família extremamente musical na qual cresceu.

Formada em Letras, em 1998 iniciou sua carreira como Curadora Musical em uma instituição cultural brasileira, e em 2106, inspirada pela obra de Djavan, David Sanborn, Mike Stern, Manhattan Transfer e George Duke, criou o quarteto vocal Living By Vocalease, formado por ela e por mais 3 cantoras, e com o qual desenvolveu um trabalho baseado na criação de linhas vocais, os “scats”, para temas instrumentais de jazz e fusion. O quarteto gravou três músicas, sendo a primeira do saxofonista norte americano David Sanborn e dos irmãos Sembello “Port Of Call”, depois “Street Rhyme” (disponível no YouTube), do guitarrista norte americano Mike Stern e a terceira “Cravo e Canela”, de Milton Nascimento, com o arranjo do tecladista norte americano, já falecido, George Duke.

Em 2018, estreando seu trabalho solo, gravou com o guitarrista Mike Stern um dos temas do artista, “As Far As We Know”, já disponível no Youtube e nas plataformas digitais. No mesmo ano, gravou a música “Lean On Me” (de Bill Withers) com Quino, vocalista da banda de reggae da Califórnia Big Mountain.

Com muitos planos de expandir suas fronteiras através de parcerias com artistas que integram o momento atual da cena reggae, Gau se apoia nas experiencias de sua trajetória para colocar em prática o maior legado de sua vida: a paixão pela arte da música.

É possível acompanhar as novidades e próximos lançamentos da artista por suas redes sociais. Vale conferir!

Você pode gostar

Comments are closed.