fbpx
Portal Sou de Sergipe
O portal do Sergipano

Netglória Telecom aparece como melhor banda larga do estado, diz Revista Exame

Com o aumento do home office, aulas online e sessões de Netflix, a internet ganhou um destaque ainda maior em nosso cotidiano. A demanda aumentou e, mesmo assim, ela nem sempre funciona como queremos — e quando precisamos. O site Melhor Plano, em parceria com o Minha Conexão, divulgou recentemente o resultado da sua pesquisa de satisfação e velocidade de banda larga no Brasil.

Após uma análise de 15 milhões de testes de velocidade e 440 mil opiniões dos consumidores em 800 municípios brasileiros, foi avaliado o desempenho de operadoras nas categorias “satisfação”, “velocidade” e “melhor provedor”.|

Claro levou o prêmio do Melhor Plano em todo o Brasil pelo segundo ano consecutivo, com maior número de avaliações positivas nos quesitos “velocidade” e “melhor provedor”. Confira abaixo qual foi a operadora vencedora em cada estado brasileiro, segundo o ranking divulgado pelo UOL:

  • Acre: Vivo (velocidade);
  • Alagoas: SimTV (velocidade), Start (satisfação) e Claro (provedor);
  • Amapá: Você Telecom (velocidade), Gnex (satisfação) e Você Telecom (provedor);
  • Amazonas: TIM (velocidade), Claro (satisfação) e Claro (provedor);
  • Bahia: Claro (velocidade), Cybertubo (satisfação) e Claro (provedor);
  • Ceará: Brisanet (velocidade), GL Net (satisfação) e Brisanet (provedor);
  • Distrito Federal: Claro (velocidade), Lignet Provedor (satisfação) e Claro (provedor);
  • Espírito Santo: Claro (velocidade), Novatec (satisfação) e Claro (provedor);
  • Goiás: Omni Telecom (velocidade), TBN (satisfação) e Omni Telecom;
  • Maranhão: IBL (velocidade), Connect Telecom (satisfação) e Júpiter (provedor);
  • Mato Grosso: New Life Fibra (velocidade), Wavemax (satisfação) e Primatec (provedor);
  • Mato Grosso do Sul: IDL (velocidade), Topnet MS (satisfação) e IDL (provedor);
  • Minas Gerais: Algar (velocidade), Iconecta (satisfação) e Algar (provedor);
  • Pará: IBL (velocidade), Jetz Internet (satisfação) e WLAN (provedor);
  • Paraíba: Tely (velocidade), Dataconnection (satisfação) e Vivo (provedor);
  • Paraná: Claro (velocidade), Portal Medianeira (satisfação) e Sercomtel (provedor);
  • Pernambuco: Brisanet (velocidade), Trend Connect (satisfação) e Junior-Net (provedor);
  • Piauí: G3 Telecom (velocidade), Multlink Telecom (satisfação) e Virtex (provedor);
  • Rio de Janeiro: Sumicity (velocidade), Flecha Network (satisfação) e Claro (provedor);
  • Rio Grande do Norte: Brisanet (velocidade), Netjat (satisfação) e Netjat (provedor);
  • Rio Grande do Sul: Claro (velocidade), A Platéia (satisfação) e Claro (provedor);
  • Rondônia: Brasil Digital (velocidade), Connect 7 (satisfação) e Oi (provedor);
  • Roraima: Amazonia (velocidade);
  • Santa Catarina: MHNET (velocidade), Internet.com (satisfação) e Claro (provedor);
  • São Paulo: Claro (velocidade), Connect Fibra (satisfação) e Claro (provedor);
  • Sergipe: Claro (velocidade) e Netglória Telecom (satisfação);
  • Tocantins: Toledo Fibra (velocidade) e BRT Internet (satisfação).

Você também pode conferir os vencedores por município ao clicar em cada estado nos links acima. Para a classificação, foram avaliados os testes de velocidade de internet feitos de janeiro a novembro de 2020 no site Minha Conexão, com exceção dos realizados via celular ou tablet.

NETGLÓRIA TELECOM

Apenas provedores com no mínimo mil testes de velocidade foram contabilizados. Cada operadora deveria ser responsável por pelo menos 3% dos testes de velocidade em cada região avaliada. Só foram incluídas as cidades com, no mínimo, 3 mil testes de velocidade realizados no período.

*Com informações exame.com

COMENTE!

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Consulte Mais informação

Política de Privacidade e Cookies
%d blogueiros gostam disto: