Até 2022, a Volkswagen afirmou que pretende fabricar o conceito I.D Buzz . Projetado para ser a Kombi do século 21.

O modelo tem linhas inspiradas na primeira geração da “velha senhora”, mas aposta em muita tecnologia para os dias atuais. A começar pelo motor, que na versão conceitual é elétrico, em vez de um a combustão convencional. No lugar dos retrovisores, há uma câmera em cada lado. E se a Kombi tinha um painel bem simples, o I.D Buzz conta até mesmo com um tablet no console central.

Com tanta tecnologia e visual moderno, o novo conceito – e futuro carro de produção – nem parece ter sido inspirado na van que ficou em produção por 56 anos no Brasil. Por aqui, poucas mudanças fizeram parte da trajetória do carro mais longevo da história automobilística do País. Porém, no continente europeu, a vida da Kombi foi diferente, recebendo diversas gerações que duram até os dias atuais.

Em 1957, começava a produção da Kombi no Brasil; ela foi o primeiro carro produzido pela Volkswagen no País.

Fonte: msn/notícias

Izaque Vieira / Redação Portal Sou de Sergipe

Deixe seu comentário abaixo

Comentários

COMPARTILHAR