fbpx
Portal Sou de Sergipe
O portal do Sergipano

Polícia Civil de Nossa Senhora da Glória prende suspeito pelo crime de homicídio

O preso já é investigado pela prática de crimes patrimoniais realizados na Bahia

Policiais civis da cidade de Nossa Senhora da Glória prenderam em flagrante Raí Almeida de Matos, de 25 anos, pelo crime de homicídio. O suspeito já possui um histórico de crimes patrimoniais praticados em sua cidade natal, Coronel João Sá, no estado da Bahia. A ação policial aconteceu nessa terça-feira, 16.

De acordo com a apuração policial, no final da tarde da última segunda-feira, 15, o suspeito estava trabalhando na zona rural de Nossa Senhora da Glória quando a vítima Adauto Pinheiro de Lima, parceiro nos crimes praticados em Coronel João Sá (BA), ofereceu drogas para Raí. Com o aceite da proposta, o suspeito passou a premeditar o homicídio de Adauto.

No momento em que seria efetuada a venda dos entorpecentes, na região da rodovia SE-230, que liga a cidade de Nossa Senhora da Glória a Monte Alegre, Raí levou uma faca com a qual desferiu diversos golpes contra a vítima, que fugiu e caiu na frente de um estabelecimento na região. As câmeras de segurança do local registraram a cena.

A Polícia Civil, então, recebeu as informações sobre o homicídio e deu início aos procedimentos para realizar o levantamento preliminar do caso. Como a vítima não possuía nenhum tipo de documentação e nenhum conhecido no local, foi feita investigação junto ao Instituto Médico Legal (IML) para qualificar a vítima.

A motivação do crime, segundo a investigação, é de que a vítima estaria acusando o investigado de roubo, cometido quando ainda estavam no estado da Bahia. Com a identificação de Adauto e as imagens da câmera de segurança do estabelecimento, os policiais diligenciaram continuamente de forma intensificada a fim de localizar o autor do crime.

Raí foi localizado e preso em flagrante na cidade de Coronel João Sá (BA), para onde teria retornado na tentativa de fugir após o homicídio praticado. O investigado confessou a prática do crime durante o seu interrogatório e responderá judicialmente pelo crime de homicídio qualificado.

Fonte: Polícia Civil

COMENTE!

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Consulte Mais informação

Política de Privacidade e Cookies