fbpx
Portal Sou de Sergipe
O portal do Sergipano

RAPIDINHAS DA POLÍTICA: Dificuldades, Pesquisa, Briga Interna e Fake da ONU

DIFICULDADES

Em entrevista a TV Atalaia, Belivaldo Chagas disse que dificuldades que o estado passa hoje é devido a crise que o país vem enfrentando. “afinal, não somos uma ilha”, disparou o Governador.

 

VAI CUIDAR?

Outro que pretende ser governador do estado é Eduardo Amorim, que disse em entrevista ao Jornal da Vida, que pretende cuidar dos sergipanos com respeito.

O candidato lembrou que, enquanto parlamentar, buscou recursos federais para beneficiar todos os municípios sergipanos.

PESQUISA

Lula está preso em Curitiba, condenado em segunda instância no caso do triplex no Guarujá, está inelegível.  Por isso iremos divulgar apenas o cenário sem Lula e com seu poste.

Jair Bolsonaro (PSL): 20%

Marina Silva (Rede): 12%

Ciro Gomes (PDT): 9%

Geraldo Alckmin (PSDB): 7%

Fernando Haddad (PT): 4%

Alvaro Dias (Podemos): 3%

Eymael (DC): 1%

Guilherme Boulos (PSOL): 1%

Henrique Meirelles (MDB): 1%

João Amoêdo (Novo): 1%

Cabo Daciolo (Patriota): 1%

Vera (PSTU): 1%

João Goulart Filho (PPL): 1%

Branco/nulos: 29%

Não sabe/não respondeu: 9%

Registro no TSE: protocolo nº BR‐01665/2018

BRIGA INTERNA

Fabio Henrique vem causando certo desconforto junto ao seu partido, tudo porque FH decidiu apoiar André Moura para senado.

O desconforto não vem apenas por André fazer parte de um grupo concorrente, mas por existir um acordo assinado e aprovado por todos os partidos que a integram, inclusive pelo PDT, apoiando os nomes indicados para os cargos de Governador – Valadares Filho, Vice – Sílvia Fontes-PDT, e para as duas vagas de Senador, Henry Clay (PPL) e Antônio Carlos Valadares .

ESTADOS DO NORDESTE, MENOS PERNAMBUCO.

Fernando Haddad vai a seis estados do Nordeste, inclusive Sergipe nos próximos dias.

O Globo destacou que Pernambuco está fora da agenda, pois o PT “ainda sente os reflexos da retirada forçada da candidatura ao governo do estado de Marília Arraes”.

NÃO PODERIA DEIXAR DE FALAR SOBRE O PROTESTO FAKE DA ONU

Em 2011, a Comissão Interamericana de Direitos Humanos recomendou a suspensão imediata da Hidrelétrica de Belo Monte.

O governo da presidente Dilma, em retaliação ao que considerou uma intromissão em assuntos internos, suspendeu o repasse de verba à entidade, de US$ 800 mil. Ou seja, em  outros  momentos o governo petista agiu justamente ao contrário, alegando que comitês tanto da ONU quanto da OEA não têm capacidade de intervenção em questões internas do país. E agora tem?

Maycon Fernandes/Jornalista DRT 0002304/SE

COMENTE!

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Consulte Mais informação

Política de Privacidade e Cookies