Som Brasil é um Trio Pé de Serra dos mais tradicionais do Alto Sertão Sergipano. Já são 25 anos de carreira e desde o ano de 1992 vem alegrando as festas juninas em povoados e cidades do sertão fazendo o público delirar e dançar. Passeando pelo baião, xote e até adaptando alguns clássicos da música sertaneja em ritmo de forró. O portal Sou de Sergipe foi atrás dessa linda história para contar a todos internautas,leitores que apreciam a cultura sertaneja.

No ano de 1990, ao ser presenteado pelo pai com um acordeon de 48 baixos, Tonho Sanfoneiro logo percebeu qual era o sonho da vida dele. Nascia então naquele momento o desejo de aprender tocar esse instrumento tão tradicional no nordeste brasileiro.

Durante os dois primeiros anos, Tonho se divertia aprendendo a tocar e cantar as músicas de Luiz Gonzaga. Seu irmão mais novo “Bulego”, logo também foi se enquadrando na música cantando e acompanhando seu irmão tocando triangulo e também cantando.

Nesse período, logo se criou uma identidade musical e os convites para tocar em Pescarias e Leilões não faltaram e foi preciso chamar mais alguém para compor o grupo, sendo convidado Zé de Durval (primo de Tonho Sanfoneiro)para participar do conjunto. Durante esse período o grupo ainda não tinha nome.

Nas eleições do ano de 1992, Tonho Sanfoneiro recebeu um convite de Lier da Baixa Verde que naquela ocasião era candidato a vice-prefeito na chapa do então candidato a prefeito Luciano do Posto. O pedido foi feito porque Miguel Bernardo e seu filho Zé pequeno que já conheciam o som do trio pé de serra fez um pedido a Lier que logo os convidou para dá uma oportunidade aproveitando os comícios que estava em evidencia naquele momento.

No dia da 1ª apresentação, no ano de 1992 em uma grande festa ,cheia de moradores que queriam ouvir as propostas dos candidatos em um comício, três jovens da Lagoa do Roçado sobem pela primeira vez em um palco(caminhão) para então começar o momento musical. Como tudo era feito na arte do improviso, o locutor na hora de apresentar, não sabia o nome do sanfoneiro e Zé Pequeno que estava próximo gritou por impulso próximo ao locutor dizendo: “O nome do Trio pé de Serra é Som Brasil”, e naquele momento nascia o nome do grupo.

A primeira formação do grupo era:

Tonho Sanfoneiro (vocal e acordeon)
Bulego (vocal e triangulo)
Zé de Durval (Zabumba)

Após as campanhas eleitorais o grupo já conhecido por muita gente, recebeu no ano de 1993 o convite do Radialista Gilberto Freitas para participar todas as quintas no programa ” Tardes Sertanejas” transmitido pela Rádio Princesa da Serra em Itabaiana.

No ano seguinte o grupo já estava trabalhando com Osmar Farias que tinha o programa “Acorda Sertão’ que era transmitido todas as quartas pela Xingó Fm e também o Programa “Retalho Nordestino” transmitido pela Rádio Educadora de Frei Paulo todas as sextas.

Atualmente o grupo é composto por:

Tonho Sanfoneiro (vocal e acordeon);
Bulego (vocal e triangulo);
Ormando (Zabumba).

Continuam animando as festividades juninas do interior e da cidade, trazendo muita alegria na sua música que retrata o sofrimento do  povo sertanejo.
Para contratar O Som Brasil é só ligar para o número: (79)996525594

Izaque Vieira/ Redação Sou de Sergipe

Deixe seu comentário abaixo

Comentários

COMPARTILHAR