Portal Sou de Sergipe
O portal do Sergipano

Vereadores de Graccho Cardoso em: ” A Grande Família”

Esta família é muito unida

E também muito ouriçada

Brigam por qualquer razão

Mas acabam pedindo perdão…

Quem não lembra dessa música que foi tema de um seriado da Rede Globo?

Os Silva são uma família de classe-média brasileira, moradora de um subúrbio na Zona Norte do Rio de Janeiro. O patriarca, Lineu Silva, um fiscal sanitário politicamente certinho e responsável, é casado com Nenê (Irene), uma exemplar dona de casa. O casal tem dois filhos: Bebel (Maria Isabel), casada com o empresário taxista, Agostinho Carrara; e o caçula, Tuco (Artur), ator. Beiçola (Abelardo), dono de uma pastelaria, tem “uns pequenos probleminhas” (como diz a Dona Nenê): ele se veste e age como a falecida mãe, a portuguesa Dona Etelvina. Bebel e Agostinho tem um filho, Florianinho, menino que puxou a malandragem do pai. Bebel e Agostinho são os novos ricos. Ela, uma perua fútil e ele, dono de uma frota de três táxis (cujo nome não foi decidido se é Táxi´s Carrara ou Carrara Táxis) que conta com três motoristas, um para cada táxi: Tuco, o igonorante Paulão da Regulagem (Paulo Wilson), sócio e mecânico da empresa e Pajé Murici, um vidente charlatão. A família ainda conta com as chegadas e confusões do amigo Mendonça, mulherengo chefe da repartição de Lineu, que costuma estar presente na vida da família e aprontando muitas confusões e com a espevitada e divorciada de três maridos Kelly, dona de uma loja de roupas, que virou chefe e amiga de Nenê após um acidente que Lineu teve.

Pois bem. Em Graccho Cardoso o clima promete ficar tenso na eleição para o próximo biênio na Câmara Municipal de Vereadores.Então vamos a história da nossa Grande Família.

O vereador Marcinho primo do Prefeito que é primo do vereador Chiquinho, que também é primo do Vereador Pedro de Zé de Pedão.

Boatos circulam pela cidade que o vereador Marcinho quer ser presidente da Câmara e já conta com os votos do vereador Xerife e da vereadora Divalci, mas como toda Família sempre acontece alguma intriga o Vereador Chiquinho (O primo) também quer ser presidente, o mesmo é o atual vice-presidente, mas e o vereador Pedro como fica?

Pedro que já disputou a eleição e perdeu para o atual presidente, que recebeu apoio dos primos. Lembrando que no início de 2017 a eleição da Câmara foi, digamos que um pouco conturbada e rolou até uns “tapas”.

A verdade é que, membros dessa família que não anda muito unida tem um só objetivo: Chegar à presidência da Câmara e essa comédia que de engraçada não tem nada, tem tudo para ter novos capítulos.

Vamos torcer para que nos capítulos finais não role “tapas”.

COMENTE!