Diante da repercussão negativa da reportagem veiculada nos meios de comunicação de Glória, direção da Clínica Sagrada família entrou em contato com a nossa redação e explicou o fato.

De acordo com a direção em momento algum expulsou os pacientes envolvidos no caso da clínica e que as filmagens se tratam de uma pessoa que usou de má fé. Ainda de acordo com a direção, muitas mensagens têm sido enviadas em apoio a clínica.

“Jamais iriamos deixar de prestar socorro a um paciente, poderia acontecer com qualquer pessoa, mas em momento algum negamos atendimento. Tivemos dificuldades de chamar um chaveiro devido ao horário do ocorrido”. Afirmou Carol, coordenadora da Clínica Sagrada Família.

Confira a Nota:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Clínica Sagrada Família diante do fato ocorrido na manhã do dia 16 de agosto de 2017 em que uma de nossas clientes ficou presa no sanitário vem a público esclarecer que:

  1. Notado o fato do acontecido tomamos imediata providência de ir atrás do chaveiro e em momento nenhum nos recusamos a prestar total apoio a cliente e seu familiar.
  2. Em momento algum nos dirigimos de forma ofensiva ou contraria as normas do bom relacionamento que rege a ética e a convivência humana, apesar da forma não educada com que o familiar da cliente se dirigiu para nós.
  3. As imagens vinculadas de terceiros que mostra o ocorrido não retratam de forma clara e verdadeira todo o ocorrido, mas sim de forma parcial e unilateral. (conforme as imagens pelo circuito interno de nossas câmeras que comprovam a verdade do ocorrido).
  4. Por fim, nos colocamos à disposição para eventuais esclarecimentos e reafirmamos o nosso compromisso com todos os nossos clientes.

 

Att,

Á direção

Deixe seu comentário abaixo

Comentários

COMPARTILHAR

Músico,Jornalista DRT 0002304/SE, Repórter do Programa Voz da Cidadania e apresentador do Programa Expressão Livre.