Há três meses na reserva, o capitão da Polícia Militar de Sergipe, Adilson Bispo Nunes de 51 anos foi assassinado a tiros no município de Areia Branca, no agreste do estado. O caso foi registrado na noite dessa quinta-feira, 28. De acordo com informações da PM, a principal suspeita é que o caso se trata de um crime de execução, já que os criminosos chegaram pedindo a arma do militar, e com a mesma, dispararam um tiro na cabeça, que matou o capitão aposentado.

O tenente-coronel Paulo Paiva, responsável pela assessoria de comunicação da PM, informou que a corporação recebeu a notícia com imenso pesar e que se solidariza com a família enlutada. Paiva ainda disse, que apesar de consternada, a Polícia Militar está mobilizada para prender os responsáveis pelo crime.

Após cometerem o assassinato, os elementos fugiram em uma caminhonete Nissan cor prata, levando a arma e documentos do militar. Até o momento ninguém foi preso. O caso será investigado pela delegacia de Areia Branca.

Via Fan F1.

Deixe seu comentário abaixo

Comentários

COMPARTILHAR