soudesergipe-professores

O palco estava armado, à espera das escolas que desfilaria depois de meses de ensaio para comemorar a independência do Brasil. Como em todos os anos prefeito, vice-prefeito (esse ano não), secretários e aliados políticos com seus adesivos estampados no peito mostrando suas preferencias para as eleições desse ano.

Durante todo o dia as escolas da rede municipal, estadual e privada mostraram com maestria a história de um país que lutou anos para ter sua independência e que hoje sucumbe em uma crise sem fim.

O preto foi a cor escolhida pelos professores da rede municipal de ensino, para comemorar o 7 de setembro na capital do Sertão; essa cor não fazia parte das fantasias usadas. A cor preta consiste na cor mais escura de todo o espectro das cores e simboliza respeito, morte, isolamento, medo, solidão e por aí vai.

Mais uma vez os professores protestaram contra o DESCASO do prefeito em relação uma classe que um dia o mesmo lutou lado a lado e que hoje pisa sem dó e nem piedade, em uma luta que vem se alastrando desde 2013. Os motivos?

1/6 de férias dos anos de 2015 e 2016, retroativos do reajuste do piso de 2013, 2015 e 2016, além 11,36% de reajuste do salário que ainda não foram pagos.

Faixas com dizeres “gestor novo, velhas práticas” e pedidos de pagamento no mês trabalhado, haja visto que o pagamento era feito todo dia 30 e agora a classe recebe no dia 10. Causaram um tom de revolta entre os expectadores que acompanhava o desfile naquele momento.

O ápice do manifesto foi quando os professores chegaram em frente ao palco e se posicionaram de COSTAS (de propósito) para o prefeito Chico do Correio e começaram a cantar o hino nacional, enfatizando a famosa frase dentro dele; “verás que um filho teu não foge à luta”.

Durante todo o ato o prefeito Francisco Carlos Nogueira (Chico do Correio) permaneceu em silêncio, chegando a aplaudir algumas vezes para acompanhar a população que ali estava, porem em momento algum cantou o hino nacional com seus antigos companheiros.

Um dia para entrar na história do município de Nossa Senhora da Glória.

 

Deixe seu comentário abaixo

Comentários

COMPARTILHAR

Músico,Jornalista DRT 0002304/SE, Repórter do Programa Voz da Cidadania e apresentador do Programa Expressão Livre.