setembro16 , 2021

    BOMBA: Com provas em mãos , Sukita faz grave denúncia sobre funcionários fantasmas em Capela

    Veja também

    SUICÍDIO: Um grito da alma pedindo socorro

    As tentativas de suicídio ou sua prática efetiva envolvem sempre uma...

    Polícia Militar apreende arma de fogo em Monte Alegre

    Policiais militares da Companhia Independente de Operações Policiais em...

    Tremor de terra é registrado em Gararu

    Um tremor de terra, de magnitude 1.5, foi registrado...

    Polícia Civil prende casal em flagrante por tráfico de drogas em Propriá

    Policiais civis da Delegacia Regional de Propriá prenderam em...

    COVID-19: Sergipe tem 5° dia seguido sem registro de óbitos

    O novo boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da...

    COMPARTILHE

    - Advertisement -

    O ex-prefeito do município de Capela, Manoel Sukita, fez uma grave denúncia que pesa sobre a atual prefeita Silvany Mamlak com indícios de que a gestora tem mantido na folha de pagamento funcionários fantasmas, mostrados através de documentos.

    Em vídeo, o ex-prefeito Sukita mostra contracheques denominado por ele de “contracheque da vergonha”. Sukita mostra um comprovante de pagamento em Nome de João Carlos Castro dos Santos irmão do presidente da Câmara de Vereadores de Piaçabuçu, estado de Alagoas Kayro Castro.

    No contracheque João Carlos Castro recebe como assessor de gabinete uma quantia que equivale a R$ 7.500, o que causa estranheza por grande parte da população, pois o beneficiário é apontado como motorista do prefeito de Ilha das Flores.

    Sukita mostra que existem mais 37 cargos com valores idênticos ao mostrado no vídeo. Ainda segundo o ex-prefeito, o vereador Jó identificou 103 cargos de comissão que estão distribuídos em vários municípios como: Penedo/AL, Ilha das Flores, General Maynard, gerando um défice de R$ 500 mil reais.

    - Advertisement -

    A denúcia deverá ser encaminha para o Ministério Público.  A prefeita ainda não se pronunciou sobre o caso.

    CONFIRA O VÍDEO: