Portal Sou de Sergipe
O portal do Sergipano

Resolutividade: Hospital de Socorro fecha com mais de 24 mil atendimentos

Nos primeiros quatro meses deste ano, o Hospital Regional de Nossa Senhora do Socorro, unidade gerenciada pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), prestou assistência a 24.180 usuários do Sistema Único de Saúde e realizou 117 cirurgias eletivas e 360 ortopédicas de mão. A maior demanda foi registrada na Clínica Médica, que no período atendeu a 19.622 pacientes da Região de Saúde de Socorro e da Grande Aracaju, segundo informações da superintendente da unidade, Iza  Conceição Leó do Prado.

A pediatria realizou, no primeiro quadrimestre de 2019, 4.128 atendimentos, segundo estatística do Regional de Socorro, que indica também 439 internamentos clínicos e 430 obstétricos. Os dados apontam ainda uma evolução no número de atendimentos, atestando o crescimento da resolutividade da unidade hospitalar. Tomando como exemplo a Clínica Médica, em janeiro foram 3.945 contra 3.218 em fevereiro, 5.767 em março e 6.692 em abril.

De acordo com a superintendente, o hospital vem se destacando na reorganização e ampliação dos serviços e fluxos, completando escalas médicas, ampliando atendimento, reorganizando a classificação de risco, humanizando as relações funcionais e melhorando a ambiência. “temos ainda como diferencial o único serviço de cirurgia de mão do Estado”, ressaltou.

Iza Prado relacionou avanços empreendidos este ano, como a qualificação da classificação de risco para garantir ao paciente crítico o atendimento prioritário e imediato; a implantação do Programa Saúde do Trabalhador, que está a cargo de uma psicóloga; melhoria das escalas de enfermeiros e auxiliares de enfermagem; funcionamento 24 horas do Núcleo de Regulação Interna (antes operava apenas pelo dia); e a implantação do monitoramento eletrônico dos indicadores hospitalares.

*Fim de semana*

O hospital Regional de Socorro atendeu neste fim de semana, 3 a 5, a 949 pacientes. Destes, 643 foram assistidos pela Clínica Médica, 249 pela Pediátrica e 57 na Obstetrícia, conforme dados da unidade hospitalar. “Dos pacientes atendidos no Pronto Socorro, três ficaram internados e os demais liberados para casa, após receber atendimento médico adequado. Todas as gestantes que procuraram a maternidade de Nossa Senhora do Socorro foram devidamente atendidas pela equipe de obstetrícia”, garantiu a superintendente.

Foto: Flávia Pacheco

ASCOM SES

COMENTE!