Portal Sou de Sergipe
O portal do Sergipano

Talvez Uma História de Amor, comédia romântica nacional com Mateus Solano, ganha trailer e cartaz

Com ecos de Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças, Mateus Solano interpreta um homem que não consegue se lembrar da mulher que amou — e que o deu um pé na bunda — no primeiro trailer de Talvez Uma História de Amor.

Ao som de “Dirty Paws”, canção indie folk da banda Of Monsters And Men, o vídeo acompanha a jornada de Virgílio, personagem de Solano , para tentar entender quem a misteriosa Clara foi em sua vida. Com a memória que o trai, mas movido por um sentimento inexplicável, o único vestígio que Virgílio tem da mulher é uma gravação na secretária eletrônica na qual ela é categórica: “Eu acho melhor a gente parar por aqui”.

“Clara está terminando com ele, não é mais possível continuar o relacionamento dos dois. E desliga”, diz a sinopse oficial do longa-metragem divulgada pela Warner Bros. “No entanto… quem é Clara? Virgílio não se lembra dela, nem de ter se relacionado com ninguém. Os amigos comentam, os colegas de trabalho perguntam, todos de alguma forma sabiam da relação dos dois, menos ele. A partir daí, Virgílio parte em busca de encontrar essa mulher misteriosa e talvez, o amor da sua vida.”

Thaila Ayala, Bianca Comparato, Nathalia Dill, Juliana Didone, Dani Calabresa, Paulo Vilhena, Marco Luque e Gero Camilo complementam o elenco. A atriz americana Cynthia Nixon, de Sex and the City e pré-candidata democrata ao governo do Estado de Nova York, faz uma participação especial no longa-metragem.

Rodrigo Bernardo dirige Talvez Uma História de Amor. A estreia está prevista para o próximo dia 14 de junho, dois dias depois do Dia dos Namorados.

Fonte: Adoro Cinema.

COMENTE!