Como Curar a Herpes LabialComo se ‘livrar’ definitivamente do Herpes ( de forma natural )

Herpes labial é uma infecção viral e contagiosa que se caracteriza pelo aparecimento de bolhas pequenas e doloridas nos lábios, boca ou gengivas. O problema é causado, na maioria das vezes, pelo vírus do herpes simples do tipo 1, porém o causador principal do herpes genital, o vírus do herpes simples tipo 2, também pode gerar herpes labial.

O herpes não tem cura. Uma vez que o vírus se instalou no organismo, ele fica adormecido e pode voltar diante de diversos fatores. Aproximadamente 90% da população do mundo possui o vírus do herpes, mas apenas 20% dessas pessoas desenvolvem a doença. Os outros permanecem com o vírus “adormecido” no corpo por vários anos.

Sintomas do herpes labial

Os sintomas iniciais surgem nas primeiras duas semanas depois do contato com o vírus e podem ocorrer antes de surgirem as bolhas. O infectado pode ter dor de garganta, gânglios pelo pescoço, dor ao engolir e febre de até cinco dias.

O herpes labial pode dar indícios de que vai aparecer através de uma leve coceira, formigamento e ardor que podem ocorrer dois dias antes do surgimento das lesões. Essas lesões são identificadas por pequenas bolhas, chamadas de vesículas, que ficam agrupadas e provocam vermelhidão e inchaço na região afetada. Em alguns casos essas vesículas infeccionam, causando pus e gerando pequenas feridas após seu rompimento.

Uma erupção de herpes labial envolve:

Lesões na pele ou erupções nos lábios, na boca e na gengiva;
Bolhas em uma área elevada, vermelha e dolorida;
Bolhas que se formam, se rompem e liberam fluido;
Crostas amarelas que se soltam para revelar uma pele rosa em cicatrização;
Várias bolhas pequenas que se unem para formar uma bolha maior.
Além de infectar os lábios, no caso da herpes labial, alguns casos do herpes podem atingir outras regiões do corpo como os olhos, nariz, coxas e nádegas – geralmente são regiões próximas de onde já ocorrem o herpes labial ou genital. O indicado é sempre procurar um médico ao sentir os primeiros sintomas, pois existem casos onde a doença avança a certo ponto em que nem mesmo remédios terão efeito sobre as sequelas, que podem ser irreparáveis.

“Assista Esta Apresentação Gratuita e Controle a Sua Herpes Hoje” – 8.517 estudos de caso provam que funciona – Clique e Assista o Vídeo 😆 

A pessoa que tem herpes labial pode sofrer com a manifestação da doença ocorrendo durante várias vezes ao ano, frequência que é determinada por fatores como a competência do sistema imune da pessoa e o tipo de vida que ela leva. Com o tempo, as recorrências tendem a ficar cada vez mais fracas e espaçadas. Saiba como se prevenir:

Como se prevenir do herpes labial

A contaminação se dá pelo contato entre pessoas, através da saliva, pele ou lábios do paciente contaminado. Pode acontecer também através do compartilhamento de objetos, como louças, maquiagens, toalhas e mais itens que estejam infectados, no caso de o indivíduo ser suscetível ou apresentar predisposição em relação à doença.

Não existe vacina contra o herpes, portanto, a prevenção deve ser baseada nas situações que costumam desencadear as crises, tais como:

Evite a exposição solar prolongada e aplique protetor solar nos lábios

A exposição aos raios ultravioleta é um dos fatores que podem contribuir para a reativação do herpes labial, portanto, aplicar protetor solar nos lábios e no rosto deve ser um hábito diário se você sofre com esse vírus. O uso do protetor parece ser mais efetivo do que pomadas na prevenção das recorrências do herpes labial induzidas por exposição solar.

Não se estresse

Além do sol, fatores como estresse, ansiedade e má qualidade do sono podem desencadear novas crises, já que os surtos de herpes geralmente acontecem quando o nosso sistema imunológico está baixo, nos deixando mais propensos a desenvolver algumas doenças. Por isso, procure consumir vitaminas e nutrientes com abundância para protegê-lo.

Evite alimentos industrializados

Ao consumir alimentos industrializados, observe em sua composição se ele não foi enriquecido com arginina. Para evitar a herpes, é importante reduzir ou eliminar o consumo de alimentos que possuem essa substância em excesso, como nozes, chocolate, coco, queijo e farinha de trigo, pois eles proporcionam um desenvolvimento mais fácil do vírus. Para diminuir a frequência do aparecimento da herpes, consuma alimentos ricos em vitamina C, como o kiwi e laranja (pois fortalecem o sistema imune), e os que contém lisina, encontrada no leite, amendoim, peixes e ervilhas. A lisina, por sua vez, é um aminoácido que diminui a multiplicação do vírus, fazendo com que a ferida apareça menos vezes.

“Assista Esta Apresentação Gratuita e Controle a Sua Herpes Hoje” – 8.517 estudos de caso provam que funciona – Clique e Assista o Vídeo 😆 

Tratamento do herpes labial

Clique para assistirExistem tratamentos para herpes labial através de remédios controlados ou por remédios naturais. Se tomados logo que aparecerem os sintomas, eles evitam as vesículas e atuam rapidamente aliviando a dor e os danos que poderiam ser causados sem o tratamento adequado do herpes. Abaixo, confira algumas opções naturais e caseiras que irão ajudar a completar o tratamento das feridas (lembrando que nenhuma delas dispensa o tratamento clínico acompanhado por um médico):

Alho:

O alho é um alimento que pode ser usado para tratar diferentes problemas na pele, pois possui propriedades antibióticas, antimicrobianas e anti-inflamatórias, ajudando a secar e cicatrizar as feridas da herpes e prevenindo o surgimento de infecções. Basta cortar um dente pela metade e passá-lo diretamente sobre as feridas ou bolhas, ou até mesmo preparar uma pequena pasta para aplicar na pele.

Pomada de erva-cidreira:

A pomada caseira de erva-cidreira ajuda a aliviar os sintomas da herpes labial como dor, vermelhidão, coceira ou ardor e a cicatrizar a ferida da herpes, pois a erva-cidreira é anti-inflamatória e calmante.

Ingredientes:

20 g de erva-cidreira

100 ml de óleo mineral

Colocar os ingredientes em uma panela e deixar em fogo baixo durante 5 a 10 minutos. Coar quando esfriar e passar na ferida da herpes pelo menos 3 vezes ao dia, até ao desaparecimento dos sintomas e da ferida da herpes.

Vaselina:

Cobrir a ferida com vaselina ajuda na cicatrização da herpes, além de proteger a ferida de outras infecções e bactérias. Recomenda-se aplicar uma pequena quantidade de vaselina na ferida e deixar agir durante a noite.

Leite:

O leite é capaz de aliviar a dor e acelerar o processo de cura do herpes. Isso ocorre pois ele contém proteínas que atuam como anticorpos, combatendo e prevenindo o vírus. Para usá-lo no tratamento, embeba um algodão no leite integral e aplique diretamente na ferida por alguns minutos.

Aloe vera:

Como Curar HerpresO gel de aloe vera é ideal para acalmar irritações na pele, oferecer um alívio rápido para a dor e combater a bactéria que está irritando a ferida, fazendo com que ela desapareça mais rápido. Para usá-lo, basta aplicar o gel diretamente sobre a lesão nos lábios.

Chás:

Há vários chás no mercado que possuem propriedades antivirais poderosas no tratamento da herpes labial. A solução mais simples de desfrutar dos benefícios do chá é bebê-lo. Outra forma é aplicar um saquinho quente e úmido várias vezes na ferida. Para isso, utilize chás como o de Salsaparrilha, o chá preto e o de flores de Calêndula.

Lembre-se de consultar um profissional. Somente ele poderá indicar o melhor tratamento de acordo com o agravamento e o tipo da sua herpes. Marque uma consulta com seu médico principalmente se você apresentar:

Troque sua escova de dentes

Quando a bolha se formar, jogue fora a sua escova de dente que esteve em contato com ela e comece a usar uma nova. Ela é um condutor perfeito para o vírus, e pode acabar causando um novo episódio de herpes em outra parte do corpo – lembre-se de que o seu aparecimento não está restrito só aos lábios.

Mais Informações? Estamos disponibilizando um Ebook Grátis com Maiores Informações para você – Clique Aqui

“Assista Esta Apresentação Gratuita e Controle a Sua Herpes Hoje” – 8.517 estudos de caso provam que funciona – Clique e Assista o Vídeo 😆 

Izaque Vieira/ Redação Sou de Sergipe

Deixe seu comentário abaixo

Comentários

COMPARTILHAR