fbpx
Portal Sou de Sergipe
O portal do Sergipano

Rapidinhas da Política: Serginho o “REI DA SOFRÊNCIA”

ATENÇÃO ALERTA DE SPOILER: Rapidinhas da política é uma coluna de cunho opinativo, se você for apaixonado ou sofre do coração não leia

Que o diretório municipal do PT não gostou nenhum pouco da atitude do prefeito Chico do Correio em relação as suas escolhas, disto ninguém tem dúvidas.

Bastou acompanhar as redes sociais para acabar com qualquer resquício de dúvidas, ninguém, absolutamente ninguém da ala petista esboçou qualquer tipo de reação com a chapa formada por Luana e Vaneide. o desconforto foi perceptível, inclusive na voz do prefeito a quem tinha a responsabilidade de fazer o anúncio de sua indicação.

Se pudéssemos acrescentar mais um apelido ao ex-prefeito Sérgio Oliveira, nada mais justo de colocar nesse momento como “Pablo, o Rei da Sofrência”; pois de um golpe só, causou esse sentimento na turma que outrora era liderada por Chico.

GOLPE

Em golpe de mestre, Sérgio tira a possibilidade do Partido dos Trabalhadores de continuar de “salto alto” com as garras no coração da prefeitura e o que é pior, expos o que muitos tinham certeza. Não existe diálogo entre a cúpula.

Prova disso foi a nota divulgada no último sábado por integrantes do PT/Glória:
“O PT esclarece que o anúncio do prefeito é uma indicação pessoal e não do partido. Na condição de cidadão e liderança política o prefeito Chico do Correio tem o direito de fazer suas escolhas, mas essas escolhas não são em nome do PT”, diz a nota.

Ao que parece o GOLPE doeu tanto que dentro da mesma nota, dá a entender que o partido pretende lançar seus próprios candidatos:

“A democracia interna é um dos pilares que fundamenta a existência do Partido dos Trabalhadores e está assegurada no seu Estatuto. De acordo com o Estatuto do PT a escolha dos candidatos para concorrerem as eleições municipais, cargos eletivos e/ou executivos, é feita no Encontro Municipal Eleitoral, ou seja, a decisão da escolha de seus candidatos é tomada por seus filiados e filiadas”.

A nota deixou claro que o prefeito Chico do Correio decidiu sem ao menos conversar e essa decisão pode ter lhe custado o apoio futuro dos seus agora feridos companheiros;

SOFRÊNCIA

Em grande estilo, Sérgio anuncia sua pré-candidatura a vereador, isso foi o tiro de misericórdia, pois em se confirmar essa candidatura, acaba com a possibilidade de o PT fazer mais de um vereador e isso doí.

Doí tanto, que deve ter vereador que “se tornou petista” nos últimos dias bastante preocupado e a única saída é pegar uma garrafa de sei lá o que, tomar e dançar segundo o ritmo do ex-prefeito.

A verdade é que os companheiros não podem reclamar de nada, pois sairão mais “gordinhos”, em quase 08 anos sambaram em mesas fartas, misturadas a maquiagens e altivez.

Durante entrevista a Xodó FM, tanto Sérgio quanto Chico tentaram de todas as formas apasiguar os animos da ala petista indignada com a indicação de Chico.

Em uma jogada quase que perfeita, Sérgio “Rifa” o nome de Luana pois de acordo com o mesmo o objetivo é não dividir. Só que o ex-prefeito “esqueceu” que a indignação da ala revoltada e do NINGUÉM  SOLTA A MÃO DE NINGUÉM, está mesmo “P” da vida é com sua candidatura a vereador, como também a indicação de Vaneide a vice.

NOTA OFICIAL DO PT

Na mesma entrevista, o prefeito Chico do Correio agora com o tom de voz mais confiante, disse que não sabe de onde partiu a nota do PT divulgada no último final de semana e que não assinou nada.

A nota gerou repercussão e abriu a possibilidade de um racha interno, incansavelmente negado pelos dos protagonistas.

Pelo jeito de uma tacada só, Serginho conseguiu causar “sofrência”, tanto nos companheiros que aguardavam um lugar ao sol, como em companheiros que redigiram uma nota oficial, não oficial.

“Sem você não chego a lugar nenhum
Meu bilu bilu bilu bilu

Vou te levar a sério
O nosso amor não é comum
Meu bilu bilu bilu bilu

Me dê mais uma chance
Prometo não ser mais um
Meu bilu bilu bilu bilu”

Sofrência, Pablo

PS; Eu avisei que o ex-prefeito não seria candidato.

COMENTE!